Descobrindo o Amor-Próprio

amor-proprio

Através do espiritismo somos levados a buscar o conhecimento de si mesmo para nos elevarmos dos nossos defeitos e com isso evoluir. Por isso o amor-próprio se torna um indispensável fator nessa escalada espiritual. Entendemos o amor-próprio como a estima de si mesmo, o reconhecimento do valor do indivíduo por ele mesmo. Como o espiritismo pode ajudar a nos amarmos mais?

Para a ciência, o amor-próprio seria a admiração de si próprio, seja pela vaidade ou pela autoestima. Para o espiritismo, usaremos a segunda opção, pois denota-se dela o reconhecimento de si mesmo como parte integrante e importante da criação.

Sobre a criação entendemos como tudo; a criação de Deus; o universo e os seres que o habitam. Deus que é a inteligencia suprema não poderia pois criar uma vida inútil e é por isso que a sua vida vale tanto para ele que ninguém é completamente sozinho ou inteiramente inválido. Somos todos partes integrantes, engrenagens de um enorme motor que é a humanidade.

Nossa contribuição se manisfesta nas mais diversas formas, algumas nos passando tão desapercebidas que nos dão margem a pensar que não prestamos para nada. Ledo engano meus amigos. Somos tão importantes que segundo os espíritos somos tutelados ao nosso espírito protetor por toda uma vida. Ele tem a incumbência de nos auxiliar e nos proteger. Além dele, podemos ter conosco amigos espirituais, bem-feitores espirituais e até mesmo afetos de outras vidas. Segundo Emmanuel, um individuo pode chegar a ter uma centena de espíritos envolvidos com sua encarnação, dentre eles amigos espirituais, bem-feitores, afetos de vidas anteriores e etc.

Com tantos espíritos envolvidos acredita pois que Deus te fez inútil? por acaso Deus erra? Deus em sua infinita sabedoria só nos dá a cruz que sabe termos a capacidade de carregar. É verdade que as vezes nossa fé em nós mesmos vacila e por isso precisamos nos fortalecer naquilo que nos alegra, que nos sustenta: seja na fé, em alguém ou algo, devemos sempre buscar elevar nossas mentes e nossos corações de toda a confusão mental.

Como espíritas, entendemos que a depressão é uma doença mental e espiritual que atinge todos que estejam com a alma enfraquecida pelos mais diversos problemas e deve ser encarada com a seriedade devida. Os espíritos nos falam da importância de nos analisarmos no contexto geral do universo para descobrirmos assim nosso valor diante da existência.

Grifamos aqui a questão 132 e nota de Kardec de o livro dos espíritos para entendermos melhor nossa importância diante da criação:

132. Qual o objetivo da encarnação dos Espíritos?
“Deus lhes impõe a encarnação com o fim de fazê-los chegar à perfeição. Para uns, é expiação; para outros, missão. Mas, para alcançarem essa perfeição, têm que sofrer todas as vicissitudes da existência corporal: nisso é que está a expiação. Visa ainda outro fim a encarnação: o de pôr o Espírito em condições de suportar a parte que lhe toca na obra da criação. Para executá-la é que, em cada mundo, toma o Espírito um instrumento, de harmonia com a matéria essencial desse mundo, a fim de aí cumprir, daquele ponto de vista, as ordens de Deus. É assim que, concorrendo para a obra geral, ele próprio se adianta.”

A ação dos seres corpóreos é necessária à marcha do Universo. Deus, porém, na sua sabedoria, quis que nessa mesma ação eles encontrassem um meio de progredir e de se aproximar dele. Deste modo, por uma admirável lei da Providência, tudo se encadeia, tudo é solidário na Natureza.

Somos importantes para a marcha do universo! estamos evoluindo e conforme evoluímos o mundo evolui juntamente. Somos responsáveis pelo mundo através de nossa própria evolução. Com isso, fica difícil negarmos que somos sim muito importantes para Deus enquanto seres de sua criação.

Não significa que estejamos sempre felizes. As vezes o desanimo atinge até os mais otimistas. Porém, o espirito que se volta para o bem de si e dos outros encontra o amor-próprio ao se tornar procurador de Deus, na terra, como agente da vontade divina da caridade e do amor entre os povos.

Guardem essa frase: Somos representantes de Deus, agentes da boa nova, missionários do amor que dEle emana. Pensem que maravilha sermos representantes do ser supremo do universo que transborda amor para todos os seus filhos da criação. Ao desanimarem lembrem-se disso, nós somos instrumentos pelos quais o amor de Deus devassa o mundo e alegra todos os corações.

Descobrir o amor-próprio através do espiritismo é treinar-se para perceber sua função diante do mundo! Só pelo “conhece-te a ti mesmo” poderemos nos amar, pois só amamos aquilo que muito admiramos, mesmo com seus defeitos, e queremos o bem do que amamos. Amemos a nós mesmos para que esse amor transborde de nós e banhe o próximo com todas as nossas vibrações mais amorosas e sinceras e juntos alcançaremos a evolução necessária para o mundo.

Amar a si mesmo é um processo que demanda completo conhecimento, desde os defeitos até as virtudes, com total clareza e sinceridade. Deus nos criou pois muito nos ama e Ele em sua infinita sabedoria nos colocou onde precisávamos para melhor crescermos enquanto criaturas. Sejamos gratos e quando precisarmos busquemos nEle a força necessária para refazermos nossas emanações de pensamento e com isso transcendermos nossos próprios fracassos pessoais e enxergarmos a nós mesmos como Jesus nos vê; Jesus nos ama, independente do quanto erramos ele nos ama e não nos vê pelos nossos erros e sim pelo nosso potencial de melhorar: Jesus, o mais perfeito psicólogo do universo.

Busquemos nos enxergar como Jesus nos vê: Com amor, vendo nosso próprio potencial de evoluir e assim atingiremos o amor-próprio. Que este texto ajude a todos que sentem-se menosprezados a entender que : SIM, você é muito importante, e será uma bênção ter você aqui conosco, crescendo junto de nós como irmão querido e filho amado de Deus! Muita paz meus queridos.

Anúncios

Um comentário sobre “Descobrindo o Amor-Próprio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s